Ellipsia além de Melissa, uma HQ que depende de você

Descobrindo o mundo de Ellipsia antes de Melissa

download 5

900 anos antes da chegada dos humanos às terras que ainda viriam a ser Ellipsia, chegaram os elfos, voando sobre o mar em caravelas enfeitiçadas. Assim que aterrissaram nas pradarias, hastearam suas flâmulas ao vento, nos limites da Floresta do Espantalho.

Mas eles não estavam sozinhos. Para estabelecer o reinado de Ellipsia, o séquito do príncipe herdeiro dos elfos teria ainda uma guerra sangrenta a empreender.

Muito aconteceu em Ellipsia antes da chegada de Melissa. Estas são algumas dessas histórias…

Ellipsia além de Melissa é uma coletânea de contos spin-off, derivados da graphic novel Melissa em Ellipsia – lançada em outubro de 2016 depois de uma campanha de crowdfunding via Catarse.

Clique AQUI para conferir a página do antigo projeto Melissa em Ellipsia no Catarse, ou AQUI para dar uma olhada na fanpage no Facebook.

Depois da publicação de Melissa em Ellipsia, uma das perguntas que ouvimos bastante foi “E aí, quando vai sair a continuação?”. Bem, Ellipsia além de Melissa não é uma continuação no sentido mais purista da palavra, mas sim uma expansão na timeline da história original.

Você vai reencontrar personagens que conheceu na HQ, como o rei dos elfos e o Espantalho, mas também vai ser apresentado a novos personagens, completamente inéditos.


Ellipsia além de Melissa irá conter as seguintes histórias:– O Espantalho: Quando os elfos entram pela primeira vez na floresta onde é sempre outono, eles encontram algo além de fadas e folhas de plátano, o que faz com que o jovem príncipe Edrael descubra que até mesmo um simples espantalho pode guardar segredos inesperados.– O expurgo para o norte: Ellipsia está em guerra! Os elfos conquistaram todas as terras entre a Floresta do Espantalho e o Bosque Sombrio. Mas os trolls organizaram suas fileiras para a resistência final e, antes que haja paz, há uma última batalha a empreender. Heróis tombarão dos dois lados.- O mestre do fogo: Ao mesmo tempo em que oferece poder (e uma vantagem valiosa contra os trolls), a magia tem uma face oculta que pode cobrar um alto preço de seus usuários. Esta é a jornada do jovem mago de Ellipsia – e a história de como ele se tornou Væletish, O Louco.

– Anabel e Kalik: Anabel é uma estudante de linguística aplicada na universidade de Ellipsia. Kalik é um troll de sodalita descendente de um grande soldado de antigamente. Apesar das improbabilidades, eles descobrem que podem ser grandes amigos, ou algo além. Mas estarão eles dispostos a arriscar tudo em nome de um amor proibido?

– O escolhido de Knāk: Walüriel, que um dia ainda viria a ser conhecido como O Vilão, tem apenas oito anos e é um mestiço de elfo e troll vivendo na cidade real de Ellipsia. Quando ele descobre um segredo sobre os seus pais, passa a se questionar qual é, de fato, o seu lugar.

– Noite 729: Depois de quase dois anos de paz, a Base Avançada de Controle da Fronteira Norte é atacada, desencadeando uma série de memórias no capitão Gagvish. Ele se questiona sobre tudo o que o levou àquele momento, tão decisivo para o seu povo, mas talvez seja simplesmente tarde demais.

01

Então, você precisa ter lido Melissa em Ellipsia para entender Ellipsia além de Melissa?

Não! Os contos são independentes, o que significa que você pode começar por qualquer um deles. Porém, eles estão relacionados, tanto entre si quanto com a história em quadrinhos. Se você já tiver lido a HQ antes, certamente terá uma perspectiva diferente, mas isso não é necessário. Você pode começar lendo a partir de onde achar melhor.

Por que colocar o seu $ neste projeto?

Se você leu Melissa em Ellipsia e gostou, esta é uma oportunidade para retornar àquele mundo e conhecer um pouco mais sobre o seu passado sombrio. Se você não leu, nós queremos te dar as boas-vindas! Este é um projeto original, experimental e colaborativo, nascido a partir de um cenário editorial que se orgulha de ser totalmente independente. Dos roteiros à arte, da conceituação à diagramação, nós queremos lhe proporcionar uma experiência única, que você não poderia encontrar em qualquer prateleira de livraria por aí.

E, é claro, vale lembrar que aqueles que garantirem o seu exemplar durante a campanha de financiamento coletivo, por um preço promocional de R$30, terão os seus nomes incluídos na primeira edição, numa dedicatória especial.

Recompensas

Todos os apoiadores a partir de R$30 receberão suas cópias impressas, com frete incluso via Impresso Nacional para todo o território brasileiro.

E se você é um dos colecionadores que deseja algo além da cópia impressa, é possível optar por pacotes com um ou dois prints no formato A4. Todos os prints serão assinados e carimbados, além de receberem um número exclusivo com identificação da tiragem, especialmente para quem quer um pedacinho um pouco mais exclusivo de Ellipsia.

Orçamento

Os recursos financeiros serão destinados ao custeio da taxa do Catarse, à entrega para todo o Brasil e à impressão (e demais custos de produção), nas seguintes proporções:

Quem somos nós?

G. Profeta é o autor original do universo de Melissa em Ellipsia. É Mestre em Divulgação Científica e Cultural pela Universidade Estadual de Campinas e, somando reportagens, artigos acadêmicos e produção literária, tem publicações no Brasil e no exterior. É jornalista, mas prefere pensar sobre si mesmo como um contador de histórias – que, nas horas vagas entre uma história e outra, gosta de (um pouquinho de) vodka, (muita) música eletrônica e todos os livros que estejam disponíveis. Ellipsia além de Melissa é o seu segundo projeto de crowdfunding.

Ligia Zanella é designer e quadrinista. Ela foi a ilustradora responsável por toda a arte de Melissa em Ellipsia. Atualmente faz parte da equipe de design de um jornal de Sorocaba, interior de São Paulo, e também atua como ilustradora freelancer. Além de Melissa, tem na bagagem dois títulos independentes já publicados online, Go! Go! Go! Felicity e Calendar. Suas maiores paixões – além de desenhar – são livros, quadrinhos, séries e sorvete!

Priscila Nakajima é graduada em Design Gráfico e especialista em marketing de conteúdo. Há cinco anos vem atuando nas áreas de criação e social media. Foi a designer responsável pela diagramação e pelo projeto gráfico da HQ Melissa em Ellipsia, em 2016. Em seu tempo livre, o interesse pela diagramação é dividido com outros tópicos tão diversos quanto tecnologia e cervejas de caramelo.

Alex Brehan é graduado em Design Gráfico. Sua incursão na literatura se deu através de quadrinhos de super-heróis, a partir dos quais migrou gradualmente para os romances de fantasia, antes que começasse a criar suas próprias histórias, como uma forma de escapar do estresse e da rotina. Atua como diretor de arte e, nas horas vagas, ocupa seu tempo escrevendo contos e retocando um título de fantasia urbana em progresso.

Bruno Prieto é jornalista e professor de língua inglesa, além de nerd de carteirinha. Quando não está dando aulas ou cuidando de sua empresa de produção de roupas de bonecas, pode ser encontrado jogando board games ou produzindo hidromel caseiro. Em seu canal no YouTube, o Camelot Gaming, ele fala principalmente sobre jogos de tabuleiro, Magic e RPG.

Sandro Prezotto é jornalista por formação, além de escritor e roteirista. Com um curta selecionado para o Cinefest de Votorantim, em 2015, e participação ativa no Coletivo de Audiovisual NPCA, é desnecessário dizer que ele é apaixonado por filmes e séries, com diversos esboços de roteiros querendo escapar da gaveta.

Sarah Rappl é jornalista, mas sempre sofreu de saudades de seu primeiro emprego, numa livraria – mesmo sabendo que, eventualmente, os livros ainda a chamariam de volta. A coautoria em Ellipsia além de Melissa é a sua primeira atuação como autora de fantasia. Além de ler, obviamente, ela gosta bastante de cinema, e um de seus passatempos preferidos é criticar adaptações de livros.

Rafael Morandini é publicitário, ponta direita nas peladas de domingo e o melhor jogador de Super Mario World do bairro. Escreveu uma história na quinta série que ele acredita que foi o melhor texto da vida, mas perdeu em alguma faxina. Dali em diante foi só ladeira abaixo. Ellipsia além de Melissa é o seu primeiro projeto sério como autor, mas dá para encontrar mais uma coisa ou outra na internet.

Você pode apoiar o projeto em:

https://www.catarse.me/ellipsia

Luan Bião
Sou co-fundador da parada e hoje responsável pela infraestrutura, pelos projetos, códigos e por manter o barco andando. Por isso, você vai me ver em quase todas as áreas aqui do site, desde do jornalismo das matérias até as edições de vídeos e podcasts. Acredito que um dia vou conseguir reunir o time dos sonhos e buscar o One Piece e já estou chegando perto.

Tags dos Artigos