Motivos para ler Batman #1 do Universo “Renascimento”

Eu sou Gotham (SPOILERS Batman #1)

batman_rebirth

Uma das coisas mais agradáveis sobre o universo DC, é  saber que Batman de longe permanece inalterado. Seus pais ainda estão mortos, ele ainda é um vigilante nas sombras, continua saindo das conversas com Jim Gordon sem avisar. Ele é um herói que ama sua cidade, e está preparado para morrer por ela.

batman-rebirth-1-s650[1]

E desta vez quase morre mesmo! Tom King eleva perfeitamente o drama do título carro-chefe da DC e proporciona uma emocionante primeira edição. Em poucas palavras, Renascimento como um todo está tentando separar-se dos Novos 52. O novo teste do Homem Calendário, a exploração do relacionamento entre Duke Thomas e o Batman, e até mesmo Batman tentando entrar em acordo com (o que ele assumiu) sua morte imediata, foi tudo amarrado junto e ordenadamente nesta edição (em parte graças ao co-escritor Scott Snyder que já faz um puta trabalho legal nos roteiros da DC há um tempo). A introdução dos novos super-heróis perto do fim também levanta algumas boas perguntas, principalmente, por que estão aqui e de onde vieram? King estabelece uma nova linha de história na mitologia Batman.

15195936_604169076440622_6894991451591332452_o

Mas o que realmente mexeu com os “feels” foi Batman falando com Alfred antes de entender que teria que morrer. Isso está presente também em Mulher-Maravilha Renascimento #1, com os nossos heróis mais fortes mostrando dúvidas, mesmo em face da falta de esperança. Ela foi criada como humana, mesmo que ainda a considerarmos como deusa. Ver o rosto de Alfred mostrando medo e preocupação pela perda do seu “filho” é comovente. A arte de Mikel Janin (Ponto de Ignição: Desafiador e os Graysons Voadores, Liga da Justiça Sombria) complementa bem a história. O traço é muito bem detalhado, expressões feitas de maneira que possam entregar todo aquele sentimento sem precisar dizer uma única palavra, isso é evidente quando Batman, mesmo sob o capuz, aparenta preocupação, dúvidas e incertezas.

A revista é linda, emocionante e faz jus a posição de destaque nas vendas no mundo todo, se você queria começar a leitura de algo épico pode ter certeza que Batman #1 vai lhe entregar a melhor experiência visual/dramática em uma única edição.

Felipe Erick
Co-fundador do site, conciliando as coisas entre caos e a ordem, fui ao limite de outra dimensão nos reinos do terror, porém voltei porque tenho que terminar de fazer o TCC, tenho tanta coisa pra dizer aqui... oi ?

Tags dos Artigos