Alucinações do Passado 2

Remake do filme de 1990

Depois da morte de seu irmão (Jesse Williams) na guerra, Jacob (Michael Ealy) retorna do Afeganistão, mas logo em seguida começa a ter alucinações e já não sabe mais apontar o que é realidade e o que não é. Apesar do nome, Alucinações do Passado 2 é um remake de “Alucinações do Passado” de 1990.

Trauma da guerra

Tanto a versão original, quanto esse remake, falam sobre um homem que acabou de voltar da guerra e que, uma vez em casa, passa a ter alucinações e, aos poucos, não é mais capaz de diferenciar realidade de fantasia. O filme de 1990 tem como protagonista um veterano do Vietnã, mas essa versão retrata um protagonista que acabou de deixar o Afeganistão e, nesse sentido, Alucinações do Passado 2 toma uma decisão interessante, já que traz para os dias de hoje a história do filme original.

Michael Ealy como Jacob Singer
Michael Ealy como Jacob Singer

A trama, então, é um tanto fantástica, já que o protagonista começa a ter alucinações assim que volta da guerra e que essas alucinações muitas vezes se misturam com a vida dele, fazendo com que ele não saiba diferenciar a realidade da fantasia. Ao mesmo tempo que o telespectador desconfia que aquilo tudo que ele está vendo não é real, também existe caminho para uma dúvida, como a de Jacob, já que as alucinações são realistas e mostram a vida dele de uma maneira diferente da que ele se lembrava.

O filme tem ainda outro aspecto bem realista, que é a guerra, independentemente de qual ela seja. O fato de Jacob ter acabado de voltar do Afeganistão quando começa a alucinar, leva o telespectador a pensar que Alucinações do Passado 2 é, na realidade, um filme sobre os traumas da guerra.

Precisava de um remake?

No entanto, é impossível não pensar se era realmente necessário fazer um remake de “Alucinações do Passado”. O filme original já trata de todos esses temas e o faz de maneira bem satisfatória, muito mais satisfatória que o remake, e é um filme que, em geral, foi bem-sucedido.

O filme é um remake de Alucinações do Passado
O filme é um remake de Alucinações do Passado

Claro que Alucinações do Passado 2 traz algumas inovações, por exemplo, a aproximação da história com os dias de hoje, já que ele usa a guerra do Afeganistão e não a do Vietnã como ponto de partida e o fato de ter um protagonista negro, o que é importante, mas esse remake também tenta colocar ainda mais narrativa em uma trama que já não precisava de mais nenhuma, o filme de 1990 já é perfeitamente eficiente.

Portanto, não existe qualquer motivo para a produção de um remake de um longa que sempre recebeu críticas positivas, cumpriu seu papel e não envelheceu mal, parece que o sentido de fazer uma nova versão é apenas tentar requentar a história ou vender um filme, sem muita qualidade, em cima de um que é bem superior.

Aspectos técnicos de Alucinações do Passado 2

Este não é um filme pequeno, ele tem uma produção até bem-feita, mas peca no roteiro. Embora modernize a trama do filme da década de 1990, ele também tenta emplacar uma trama que não está presente no original, e que não se faz necessária. Aliás, nem esse remake se faz necessário.

O filme traz para a trama para os dias de hoje
O filme traz para a trama para os dias de hoje

O fato do filme original não precisar de um remake e deste não chegar nem aos pés do original, torna tudo ainda pior. No entanto, é ótimo que o remake escolha um ator negro para interpretar seu protagonista.

Alucinações do Passado 2 soa como um filme que queria arrecadar muito dinheiro e, portanto, precisava se apoiar em algo que já existia para tal, e que os roteiristas não eram criativos o suficiente para criar uma trama nova. De forma geral, o longa é um grande desperdício de recursos e de tempo do telespectador.

Alucinações do Passado 2 - Trailer

Alucinações do Passado 2

Nome Original: Jacob's Ladder
Direção: David M. Rosenthal
Elenco: Michael Ealy, Jesse Williams, Nicole Beharie, Guy Burnet, Joseph Sikora
Gênero: Terror, Mistério, Suspense
Produtora: LD Entertainment
Distribuidora: A2 Filmes
Ano de Lançamento: 2019
Tags

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar