Crashing – 1ª temporada, é tipo Friends…

Só que mais sujo, boçal e engraçado

Em troca de um baixo aluguel, um grupo de trintões começa a morar em um hospital desativado. Outra obra da brilhante Phoebe Waller-Bridge, Crashing possui apenas seis episódios de meia hora cada, assim como seu outro sucesso, Fleabag.

Aqui, a autora volta a atuar, dessa vez como Lulu, uma moça que sempre teve um affair com o melhor amigo. Algo que é remexido quando começam a morar juntos. O rapaz, no tipo comum de Damien Molony, é o mais equilibrado do grupo. Ele mantém um relacionamento com a super certinha Louise Ford (comediante e esposa de Rowan Atkinson, o Mr. Bean), a personagem mais engraçada da trama, ao lado de Lulu, que também representa seu contraponto. Julie Dray faz a sexy francesinha Melody, que busca pelos seus musos, agora na figura improvável do tiozão Adrian Scarborough. Por fim, o Sam de Jonathan Bailey é o típico mulherengo, que começa a notar um certo interesse por Fred (Amit Shah).

Crashing

Crashing – 1ª temporada

Com um elenco enxuto e em ótima química, Crashing (minissérie inglesa, não confunda com a americana de mesmo nome) traz personagens cativantes. Eles são honestamente engraçados e se envolvem em situações inesperadas. Na maior parte das vezes a série extrai o melhor do humor britânico através dos diálogos curtos e grossos. Ou então de pequenos gestos que já dizem muito (como trocas de olhares ou aquela impagável cena no jantar).

O espectador consegue se envolver rapidamente com cada uma das figuras, que quebram mais de um paradigma do estereótipo do gênero e que crescem a cada episódio e se transformam antes do fim, mesmo que isso ainda continue em aberto. O único ônus é uma desnecessária cena de vômito em panela de comida, que não precisava existir para ser engraçada. É somente nojento, de maneira gratuita. Isso, porém, não acontece mais nem antes nem depois, então dá para curtir o programa como se deve, numa tacada só.

Crashing

Nome Original: Crashing
Elenco: Phoebe Waller-Bridge, Jonathan Bailey, Julie Dray
Gênero: Comédia
Produtora: Big Talk Productions
Disponível: Netflix

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar