The Great – 1ª temporada – Histórica e atual

Uma czarina para os dias de hoje

The Great é inspirado na vida de Catarina, a grandeCatarina (Elle Fanning) sai da Alemanha para Rússia de casamento marcado com o czar Pedro III (Nicholas Hoult), cheia de sonhos e expectativas. No entanto, quando conhece o futuro marido, ela percebe que os dois não tem nada em comum e que ele não tem muito interesse nela.

Catarina se vê sozinha, em uma corte onde não conhece ninguém, rodeada pelo marido e por suas atitudes malucas e inconsequentes, farta dos súditos e com saudades de casa. Quando ela faz amizade com sua criada Marial (Phoebe Fox), as coisas começam a melhorar. Assim, quando ela descobre que se o czar morrer enquanto os dois não tiverem um filho, quem assume o trono é ela, a czarina logo começa a tramar um golpe.

Elle Fanning como Catarina, a grande
Elle Fanning como Catarina, a grande

Catarina, The Great

Essa mulher é, de longe, uma das figuras históricas mais conhecidas ainda nos dias de hoje, isso porque, ela foi de fato uma mulher excepcional. Catarina reinou na Rússia de 1762 a 1796 e assumiu o trono depois de supostamente tramar o assassinato do marido.

No entanto, sua história salta aos olhos em função de sua ousadia, afinal, estamos falando de uma mulher, em 1762 que reconhecia sua grandeza e sua capacidade e que resolveu que deveria assumir o trono no lugar do marido, em uma época onde as mulheres, mesmo as da realeza, eram consideradas seres inferiores que serviam apenas para reproduzir. Além disso, embora fosse princesa, não era czarina por direito de nascença. Ela se tornou a czarina depois de casar com Pedro, que era czar por direito.

A história de Catarina é, sem dúvida nenhuma, ousada e extremamente feminista, mesmo que se passe em um ambiente machista. Por isso parece ideal para os dias de hoje. The Great já é a segunda série recente sobre Catarina, a Grande, a outra é Catherine the Great, de 2019, estrelada por Helen Mirren, que retrata a czarina em uma fase mais velha.

Catarina e Pedro III em The Great
Catarina e Pedro III

A czarina atual

A trama acompanha o período que vai desde o casamento de Catarina até o fatídico dia em que ela, supostamente, deu um golpe de Estado no próprio marido.

A Catarina da série é uma jovem, aparentemente sonhadora e inocente. Quando sai da Alemanha, deseja se apaixonar pelo seu futuro marido e ganhar um urso de presente de casamento. Entretanto, logo na lua de mel, ela percebe que o único interesse que Pedro tem nela é na possibilidade de fazer um herdeiro para o reino e que além de tudo, embora ele detenha todo o poder do reino e que toda a corte se submeta a suas vontades, o czar é ligeiramente insano e completamente incapaz.

A czarina então se vê em um país estranho, renegada pelo marido que prefere passar seu tempo com a amante, Georgina (Charity Wakefield), sem entender as intrigas da corte e sem saber muito bem qual o seu papel. Ela tem certeza que foi criada para algo grande, mas não consegue ver como uma mulher conseguiria se tornar grande em um mundo totalmente patriarcal.

The Great é cheia de mulheres inteligentes e fortes
A série é cheia de mulheres inteligentes e fortes

Revolução e ousadia

Estando próxima de sua criada ela descobre que caso o czar morra sem um herdeiro a coroa se torna automaticamente da czarina. Então ela percebe que a única maneira de escapar daquela situação e de levar a Rússia à grandeza é realizar um golpe de Estado.

A história de Catarina é muito antiga, e certamente já foi contada milhares de vezes antes. Porém, os anos 2020 parecem ideais para contá-la de uma perspectiva completamente feminista! Mesmo que muitas vezes ela tenha que recorrer a ações que destoam dos ideais feministas, como por exemplo, seduzir alguém para conseguir o que quer.

A personagem de Catarina é inteligente, determinada e forte e soa como a personalidade perfeita para um público que pede cada vez mais conteúdo com mulheres fortes como protagonistas. A vida de Catarina tem tudo isso e é ainda mais ousada. Ela fez tudo isso em uma época onde as mulheres não tinham voz alguma, que dirá o poder de um país inteiro.

Catarina planeja um golpe de estado no próprio marido
Catarina planeja um golpe de estado no próprio marido

Mulheres inteligentes…

Catarina não é a única mulher da série que é inteligente e determinada. Marial, a criada que costumava fazer parte da corte também é esperta e é a primeira pessoa a dar a Catarina a ideia do golpe. A tia de Pedro, Elizabeth (Belinda Bromilow) parece deslocada e maluca, mas é a primeira a compreender e concordar quando Catarina fala que a pessoa certa para governar a Rússia é uma mulher.

Mais tarde, Catarina e Pedro vão a Suécia para negociar o fim de uma guerra e, mais uma vez, as pessoas responsáveis por fecharem o negócio são Catarina e a esposa do rei (Freddie Fox), Agnes (Grace Molony). Por mais que Catarina desgoste de Georgina e das outras mulheres da corte, ela mesma reconhece que Georgina é uma mulher inteligente e que não deveria se submeter às vontades de Pedro.

Catarina, a grande é a protagonista ideal para os anos 2020
Catarina, a grande é a protagonista ideal para os anos 2020

Homens nem tanto…

Já os homens da série são retratados, quase de maneira geral, como ligeiramente idiotas, mas tão cheios de si que nem percebem tudo que acontece a sua volta. Pedro é o czar e acredita que esse é o seu direito divino, mas passa boa parte do seu tempo fazendo sexo, comendo, bebendo e disparando piadas que precisam ser repetidas para que toda a corte ria. Hugo, o rei da Suécia, que aparece em apenas um episódio, é a imagem cuspida e escarrada de Pedro.

Grigory (Gwilym Lee), marido de Georgina e melhor amigo de Pedro, parece enciumado o tempo todo e se porta sem pensar nas consequências. Sempre guiado pelos seus sentimentos, mais ou menos como as mulheres normalmente são retratadas em obras audiovisuais. Catarina não se deixa levar pelas suas emoções, tudo que ela faz é planejado e tem segundas intenções, diferentemente de Grigory que resolve envenenar Pedro sem pensar em tudo que essa ação pode acarretar para o reino e para si próprio.

Alguns homens da corte de Pedro são poupados desse retrato, como Leo (Sebastian De Souza), amante e aparentemente, grande amor de Catarina e Vlad (Louis Hynes), o criado da czarina, mas também não são retratados como homens especialmente inteligentes. Leo é romântico, charmoso e divertido e parece funcionar na série apenas como uma maneira de colocar romance em uma trama que é muito mais focada em planos e tramas reais; e Vlad surge mais como uma piada, que tem pouco espaço na série.

Marial e Catarina em The Great
Marial e Catarina

Orlo (Sacha Dhawan), integrante da corte que apoia o golpe de Catarina e Archie (Adam Godley), o líder religioso da corte que tem muita influência sobre Pedro são os dois únicos personagens masculinos que conseguem tramar como Catarina e Marial.

Aspectos técnicos de The Great

A história de Catarina já foi contada muitas vezes, mas o que torna The Great diferente é o fato de ter uma perspectiva diferente. A série fala de muitos assuntos sérios, como casamentos arranjados, relações sexuais forçadas e desagradáveis, a tirania de Pedro, o golpe de Catarina e a desigualdade de classe, mas fala sobre tudo isso de maneira engraçada, como se a corte de Pedro III fosse uma grande comédia.

Claro que a série tem momentos dramáticos, mas ela coloca Catarina e Pedro como pessoas comuns, que não são vistas pelo telespectador como seres superiores. Pedro é retratado como burro, responsável por um governo quase ditatorial, mas que ao mesmo tempo, dança de maneira ridícula em um baile na corte usando calças cortadas.

Catarina aparece urinando sobre plantas esperando que elas brotem (acreditava-se que as plantas brotariam caso a mulher estivesse grávida); Elizabeth treina borboletas e acredita que elas formam palavras no ar, de acordo com as suas ordens. Até as cenas de tortura são retratadas de maneira divertida, por mais absurdo que isso soe.

A produção é cuidadosa e bem-feita
A produção é cuidadosa e bem-feita

Inovação

A série também tem uma abordagem bem moderna e bem natural nas suas cenas de sexo. A corte de Pedro é retratada como uma grande orgia, onde não só todo mundo pratica sexo com todo mundo, mas também se fala sobre o assunto abertamente. Se as cenas de sexo entre Catarina e Pedro são desconfortáveis e desanimadas, as cenas de sexo entre Pedro e Georgina ou Catarina e Leo são retratadas de maneira bem mais natural, e ajudam na progressão da trama.

A ambientação também é muito bem-feita, o palácio onde boa parte da história se passa é retratado com esmero e com muito luxo. Os figurinos, especialmente os de Catarina, são lindos e condizentes com a época retratada.

A corte de Pedro III
A corte de Pedro III

O elenco

The Great conta com uma série de boas atuações, e o elenco, de uma maneira geral, está bem afinado e dentro dos seus respectivos personagens. Nicholas Hoult apresenta um Pedro completamente insano, mas que parece acreditar no que faz. Ele consegue dividir a plateia entre a raiva e a pena.

Sebastian De Souza começa aparecendo pouco, mas vai ganhando espaço na tela, e conquistando o público da mesma maneira que conquista Catarina. Entretanto, o grande destaque da série é Elle Fanning, que carrega The Great nas costas, e no seu primeiro papel adulto entrega uma Catarina forte e determinada, que certamente vai agradar os telespectadores.

The Great traz uma história que talvez já seja conhecida por muitas pessoas, mas quando transforma os seus personagens históricos em pessoas comuns e tira sarro deles e de suas atitudes, acaba inovando e aproximando o público de personalidades grandiosas. A série, que fala sobre uma mulher sozinha em um país estrangeiro e sem muitos amigos, que planeja matar o próprio marido, se transforma em comédia e diverte ao mesmo tempo que ensina.

The Great

Nome Original: The Great
Elenco: Elle Fanning, Nicholas Hoult, Phoebe Fox, Sacha Dhawan, Charity Wakefield
Gênero: Comédia, Drama, História, Biografia
Produtora: Thruline Entertainment, MRC, Civic Center Media (CCM), Echo Lake Productions
Disponível: Hulu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar