Verão Vermelho – Um destino, duas histórias

Anne (Julie Christie) chega a Índia para investigar a vida de sua tia-avó, Olivia (Greta Scacchi), de quem ela herdou algumas cartas. Olivia vivia com o marido Douglas Rivers (Christopher Cazenove), um funcionário público da administração colonial no país, quando começou um caso com Nawab (Shashi Kapoor), um soberano local. Enquanto reconstrói os passos da tia-avó, Anne se vê cada vez mais seduzida pela Índia, e muito próxima de repetir a história de Olivia.

A protagonista de Verão Vermelho é Anne, uma mulher que viaja até a Índia para pesquisar sobre a vida de sua tia-avó, Olivia, mas através de flashbacks acompanhamos a vida das duas mulheres em primeira mão.

Olivia e Douglas em Verão Vermelho
Olivia e Douglas

Anne, que vive nos anos 1980, é moderna, solteira, sem filhos e dedicada ao seu trabalho. Ela costumava ser jornalista, mas largou tudo depois de herdar as cartas da tia-avó. Sua intenção na Índia é investigar o romance proibido de Olivia e Nawab. Já Olivia, viveu na década de 1920, e foi arrastada para a Índia em função do trabalho do marido. Ela se sente solitária e não consegue ver muita semelhança entre ela e as outras mulheres inglesas que estão no país, que são em sua maioria, racistas e atrasadas. Ela, de maneira nenhuma, parece uma esposa da sua época.

Olivia e Anne parecem, a princípio, serem completamente diferentes, mas conforme Verão Vermelho avança percebemos que as duas mulheres são semelhantes, seja nas escolhas de vida, seja na maneira com que se comportam.

Histórias que se espelham

O telespectador acompanha Anne e Olivia em cenas quase seguidas uma da outra e, por isso, é fácil notar que a vida das duas mulheres se espelham. Tanto Anne quanto Olivia acabam na Índia, mesmo que os propósitos das viagens sejam bem diferentes.

Verão Vermelho acompanha a história de Olivia e de Anne
O longa acompanha a história de Olivia e de Anne

Assim como Olivia, que não consegue se relacionar nem com os indianos, de quem ela não compreende a cultura totalmente, nem com os ingleses, que ela acha intolerantes, Anne também causa espanto na Índia por ser uma mulher adulta, sem marido e sem filhos.

Mas as duas mulheres se sentem profundamente atraídas pelo país, por sua cultura e por seus habitantes e estão mais do que dispostas a mergulharem fundo nesse lugar, encontrando motivações, amores, amizades e paixões.

A Índia

Verão Vermelho, filmado em 1983, faz parte de uma época em que a Inglaterra se mostrava especialmente interessada na Índia e em tramas que se passassem lá. Filmes como Gandhi e Passagem para a Índia também foram produzidos nessa época. A Índia então, é uma questão que é bastante explorada no longa.

Olivia e Nawab
Olivia e Nawab

O telespectador acompanha as duas mulheres enquanto elas passeiam e conhecem o lugar, assistimos a uma série de paisagens e pontos turísticos. O filme também mostra um pouco das tradições e dos costumes indianos, que soam estranhos aos olhos das duas mulheres inglesas, embora elas sempre pareçam dispostas a aprender e isso as diferencie de outros personagens europeus que estão na Índia.

O filme retrata boa parte dos ingleses que vivem na Índia como racistas e intolerantes, por exemplo, o médico Doutor Saunders (Patrick Godfrey), que diz que os indianos são menos inteligentes que os ingleses, e sua esposa (Jennifer Kendal), que diz para Olivia que todos os indianos são estupradores em potencial, que desejam manter relações sexuais com mulheres brancas. Certamente a ideia é diferenciar Olivia, que não pensa assim, se interessa pela cultura indiana e ainda mantém um caso com um nativo, mas é uma forma de demonstrar o pensamento da época através desses personagens.

Aspectos técnicos de Verão Vermelho

Este é um filme bem interessante, que prende o telespectador logo nos seus primeiros minutos. É fácil simpatizar tanto de Anne, quanto de Olivia e querer acompanhar e entender suas histórias.

Julie Christie como Anne em Verão Vermelho
Julie Christie como Anne

O longa tem uma fotografia clara e solar, que abusa das cores fortes, como vermelho e amarelo, geralmente usadas em filmes que retratam a Índia. Em compensação, o figurino de Olivia é mais apagado, e sempre em cores que puxam para o bege e o nude, para ressaltar que ela não faz parte daquele lugar.

Julie Christie se sai muito bem como Anne, mas o grande destaque é de Greta Scacchi, que está perfeita no papel de Olivia e de quem a plateia se afeiçoa quase que imediatamente.

O longa explora os costumes da Índia
O longa explora os costumes da Índia

O único problema de Verão Vermelho é que ele se alonga demais, o que faz com que a plateia perca a atenção depois de um tempo. Embora isso atrapalhe, não estraga a experiência total do filme.

Verão Vermelho apresenta duas tramas interessantes, com personagens carismáticas e cenários lindos. O filme está disponível no Belas Artes À La Carte a partir do dia 29 de julho.

HEAT AND DUST (1983) - Trailer

Verão Vermelho

Nome Original: Heat and Dust
Direção: James Ivory
Elenco: Greta Scacchi, Shashi Kapoor, Julie Christie, Christopher Cazenove, Nickolas Grace
Gênero: Drama, Romance
Produtora: Merchant Ivory Productions
Distribuidora: Universal Classics
Ano de Lançamento: 1983
Tags

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar