Arranha-Céu: Coragem Sem Limite, lá vamos nós com Dwayne Johnson novamente

Você não precisa ter assistido aos trailers (onde o filme todo é contado) para sacar qualé a de Arranha-Céu, já que em 5 minutos de sessão fica evidente qual a enrascada que o bom pai de família vai se meter, quem são os vilões e onde inclusive será a grandiosa cena do clímax.
Nessa fórmula didática, o sempre carismático Dwayne Johnson tem um Duro de Matar para chamar de seu, mas bem mais descolado da realidade, já que sua fisicalidade colossal lhe atribui mais vantagens do que um mundano Bruce Willis poderia imaginar naquela noite de Natal.
Dwayne Johnson é Will Sawyer
Dwayne Johnson é Will Sawyer
Depois de um trágico passado como agente de campo, que lhe forneceu não só uma boa esposa e dois lindos filhos, como também um trauma e uma perna mecânica, o protagonista de The Rock assume a figura de pai herói em escala máxima, quando sua família é colocada em risco no maior edifício do mundo em chamas, atacado por criminosos em um plano mirabolante que não importa a mínima, considerando que você está bancando seu ingresso para assistir o ator pulando de um guindaste para o 100º andar, vê-lo pendurado em cordas, usando silver tape para se deslocar entre as vidraças externas, descendo num elevador em chamas, entre outras tomadas típicas de um bom game de ação – algo que este filme se assume mais do que uma película de fato, e sem problema algum. Eis a graça, inclusive.
Resultado de imagem para skyscraper movie dwayne gif
Ignore a bandidagem mequetrefe e o foreshadowing ridículo envolvendo um reinicio de celular (e seu paralelo com a solução da trama), para abraçar o absurdo espetacular do filme de vertigem de altura (neste longa que talvez funcione ainda melhor em 3D), com cenas impossíveis e quests pra lá de alucinantes, que uma hora ou outra vão te balançar, atingindo o efeito proposto pelo diretor Rawson Marshall Thurber.
Arranha-Céu

Arranha-Céu é o tipo de história para juntar amigos e ver num domingo sem compromisso. Dwayne Johnson só é menor do que o próprio edifício e além de estátuas e portas de chumbo, ele também segura um filme sozinho.

Tags

Douglas MCT

Douglas MCT já escreveu para os gibis da "Turma da Mônica", roteirizou o desenho animado "Galera Animal" da TV Globo, participou do enredo do game "Chico Bento" para as redes sociais, é autor dos quadrinhos “Edgar Alan Corvo”, "SUPER" e “Hansel&Gretel”, e dos livros "O Coletor de Almas" e da série "Necrópolis".

Matérias Relacionadas

Close