Fame: The Musical – A versão para o teatro

do filme de 1980

Fame: The Musical segue um grupo de jovens cursando uma série de cursos de artes na New York’s High School For The Performing Arts.

Acompanhamos as vidas artísticas desses jovens, ao mesmo tempo que conhecemos suas dúvidas, amizades e romances.

A origem de Fame: The Musical

Fame: The Musical é um daqueles casos onde o filme veio primeiro que o musical. A peça é inspirada no filme Fama, de 1980. A trama é bem parecida com a de Fama, uma vez que os dois acompanham esses estudantes de uma faculdade especializada em artes. A diferença mais clara entre os dois é a mídia. O filme tem mais espaço de se desenvolver em outros cenários, uma vez que foi filmado em vários lugares diferentes, então, ele não se passa todo na faculdade.

A peça fala sobre um grupo de jovens buscando fama
A peça fala sobre um grupo de jovens buscando fama

O musical, por sua vez, encenado em um palco, tem menos espaço de cenário e se passa quase que todo na faculdade, que é o que centraliza todos esses alunos. Isso não quer dizer que tudo acontece na faculdade, assim como acompanhamos a vida escolar e artística desses jovens, também acompanhamos suas vidas pessoais, fora da faculdade.

Fame: The Musical é basicamente a peça filmada, como acontece com The Wiz Live!. O que o telespectador assiste, então, são os atores atuando e performando os números musicais no palco, com uma plateia, que eventualmente reage. The Musical também é uma montagem que comemora os 30 anos do filme.

"<yoastmark

A arte

Fame: The Musical explora um assunto bem interessante. O musical segue os estudantes de uma faculdade de artes performáticas em Nova York, portanto, os personagens são bailarinos, cantores e atores.

O musical é bastante cuidadoso nesse sentido e, entre os estudantes que ele acompanha, estão pessoas que estudam tipos de artes diferentes, de sexo e sexualidades diferentes e de etnias diferentes. O que todos esses jovens têm em comum é o amor pela arte e o fato de que eles estudam na mesma faculdade.

O filme tem personagens diversos
O filme tem personagens diversos

Isso faz com que o público entre quase de cabeça nessa faculdade, junto com os seus personagens. Aqui não há um personagem principal, é quase como se o protagonista fosse a própria faculdade, ou em maior medida, a arte e a fama que esses jovens buscam.

A trama também nos coloca frente a frente com todos esses tipos diferentes de artistas e com suas alegrias e dificuldades para chegarem ao estrelato.

As vidas pessoais

Os personagens não estão interessados só em fazer sucesso, por isso o filme também fala das suas vidas. Esses personagens são jovens e estão começando um capítulo novo de suas jornadas e, por isso, estão forjando novas relações. Fame: The Musical mostra novas amizades, novos romances, novas vidas e em alguns casos, primeiras experiências.

A experiência é bem próxima a de ir ao teatro
A experiência é bem próxima a de ir ao teatro

Outro ponto interessante é que o filme também tem personagens gays, lidando com suas sexualidades e tentando se entender.

É bem legal que Fame cubra não só os mais variados tipos de arte, mas também os mais variados tipos de personalidades, pois podemos entrar em contato com pessoas diferentes e, dessa maneira, a trama soa realista. Por outro lado, o filme não se aproxima muito deles e como precisa falar de muitas pessoas, não se aprofunda em ninguém.

Fame: The Musical explora a vida desses jovens dentro e fora da faculdade
Fame: The Musical explora a vida desses jovens dentro e fora da faculdade

Fame: The Musical não tem um protagonista e se isso é bom por muitos aspectos, algumas informações ficam faltando e os personagens não são tão profundos quanto poderiam.

Aspectos técnicos

O que temos aqui é basicamente uma montagem da peça filmada, por isso, pode ser que o filme não seja para todo mundo. Quem não gosta de teatro, por exemplo, pode achar tedioso.

O espaço físico do teatro é obviamente menor que o de um filme, por isso, os personagens se movimentam menos do que no filme e a peça tem menos cenários. O cenário que está presente no palco é bem simples e não lembra uma faculdade, a ideia é que o que vemos pode ser uma faculdade, mas pode ser qualquer outra coisa, desde que você esteja dentro da peça e de sua trama.

Fame: The Musical é um musical dos mais clássicos
O filme é um musical dos mais clássicos

Essa é uma técnica bem comum no teatro de uma maneira geral, já que a maioria deles tem restrição de espaço e precisa colocar toda a sua trama em um palco, mas mesmo para os padrões teatrais, essa montagem é bem contida. Isso não é exatamente um problema, as músicas e as atuações conseguem colocar o público no clima da trama e o cenário deixa de ser importante, é só preciso manter em mente que, como boa parte das peças, o cenário não é absolutamente realista.

Musical animado

Uma vez que o teatro é, por si só, mais envolvente do que o cinema, é bem fácil entrar nessa história. Também é importante ressaltar que a peça é uma boa adaptação do filme e funciona.

Os atores são bons e cantam bem. A capacidade de cantar em um musical no teatro, que é ao vivo, é bem diferente da capacidade de cantar em um musical no cinema, onde existem cortes. O filme, filmado nos anos 1980, se passa na mesma década e tem roupas, cabelos e maquiagens bem típicas da época. A peça, no entanto, não deixa isso tão claro, quase como se aquela história fosse atemporal, o que de fato, é.

"<yoastmark

As músicas

As canções que fazem parte de Fame: The Musical são as mesmas que fazem parte da trilha sonora do filme, e entre elas estão Out Here On My Own, Is It Ok If I Call You Mine?, I Sing The Body Electric e claro, Fame.

Fame: The Musical é um musical dos mais clássicos e, embora fale de artistas, o que abriria uma brecha para que esses personagens cantassem só no palco, não é isso que acontece. Os números musicais empurram o filme para a frente. Além do mais, é literalmente uma peça filmada, o que claro, deixa esse filme mais próximo ainda do teatro.

Justamente por isso, talvez seja ideal para quem gosta especificamente de teatro musical e não só de filmes musicais. Para quem se incomoda com muitas cenas de canto e dança, o filme pode se tornar tedioso, porque a sensação que se tem é a mesma que se tem quando se vai ao teatro.

Fame: The Musical é uma adaptação que vai agradar os fãs do gênero e que dá a oportunidade de qualquer pessoa assistir uma peça que só foi encenada em um lugar. Além disso, traz uma história única e interessante e personagens diversos e representativos.

Fame: The Musical

Nome Original: Fame: The Musical
Direção: Nick Winston
Elenco: Keith Jack, Jorgie Porter, Mica Paris, Molly McGuire, Albey Brookes
Gênero: Musical
Produtora: ?
Distribuidora: ?
Ano de Lançamento: 2020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar