Homem-Aranha no Aranhaverso, novo spin-off da Marvel

Em Homem-Aranha no Aranhaverso, Miles Morales (voz de Shameik Moore, na dublagem original) é um garoto nova iorquino como outro qualquer. Ele se sente excluído na escola e não tem muitos amigos. Os únicos momentos em que se diverte é quando está pichando a cidade.

Um dia, seu tio Aaron (Mahershala Ali) o leva para pichar no esgoto. Lá, ele é picado por uma aranha geneticamente modificada. Assim como Peter Parker, Miles ganha poderes. Enquanto tenta impedir que o Rei do Crime (Liev Schreiber) abra realidades alternativas, Miles acaba trazendo para a sua realidade diversos outros homens-aranhas.

Miles Morales
Miles Morales

Miles

Homem-Aranha no Aranhaverso é inspirado no quadrinho Miles Morales de Brian Michael Bendis e Sara Pichelli. Este mostra uma versão do Homem-Aranha bem diferente da que conhecemos. Miles é negro e descendente de latinos. Ele mora no Brooklyn e estuda em uma escola de classe media/alta, onde se sente completamente deslocado e não tem amigos.

Quando é picado pela aranha, ele demora um tempo para entender seus poderes. Mas diferentemente de Peter Parker, Miles reconhece a manifestação dos poderes nos quadrinhos do próprio Homem-Aranha. E logo percebe o que está acontecendo com ele.

O filme mostra ao espectador diversos Homens-Aranhas
O filme mostra ao espectador diversos Homens-Aranhas

O fato de Miles ser totalmente distinto de Peter faz de Homem-Aranha no Aranhaverso um filme diferente e uma novidade perto dos diversos filmes do herói que assistimos recentemente. E assim se torna extremamente divertido aprender sobre um Homem-Aranha diferente.

Referência aos quadrinhos

É natural que a maioria dos filmes inspirados em quadrinhos faça referências à sua fonte original. Mas Homem-Aranha no Aranhaverso vai mais fundo. Em diversos momentos parece que estamos assistindo a um quadrinho. O longa usa cores bem coloridas e outras técnicas das HQs, como falas em balões e a tela dividida como se fosse a página de uma história em quadrinhos.

Miles vive uma vida normal em Nova York
Miles vive uma vida normal em Nova York

Claro que o fato do filme ser uma animação, facilita muito que esse trabalho seja feito. Mas a ideia é, sem dúvida, muito legal! E além de fazer uma referência aos quadrinhos, também torna o filme mais dinâmico.

Outra referência que aparece são justamente os outros Homens-Aranhas vindos de outras realidades. Além de um Peter Parker (Jake Johnson) um pouco mais velho e um tanto frustrado, encontramos o Homem-Aranha Noir (Nicolas Cage), que faz uma referência ao estilo Pulp; Peni Parker (Kimiko Glenn), que faz referência aos animes; e o Porco-Aranha (John Mulaney), que é uma homenagem aos desenhos no estilo de Looney Tunes. E o mais interessante é que cada um desses personagens é desenhado no estilo que ele representa, o que não só faz uma homenagem às varias formas de quadrinhos, como também pode ensinar o espectador que não conhece tanto.

Humor depreciativo em Homem-Aranha no Aranhaverso

Outro ponto positivo é que o filme não se leva totalmente a sério. Ele certamente sabe o momento de ser emocionante ou de passar a mensagem clássica que aparece em grande parte dos filmes de super-heróis. Mas ele também sabe quando ser engraçado. Por exemplo, o longa tira sarro dos clichês dos filmes do gênero. Em diversos momentos em que a música aumenta e temos certeza que Miles vai fazer algo heroico, ele tenta e erra ou faz algo errado, o que não só arranca risos da plateia, mas também faz com que as pessoas entendam que embora Miles tenha poderes, ele ainda precisa se acostumar a eles e aprender como eles funcionam.

Peter Parker e Miles
Peter Parker e Miles

Mas a coisa mais divertida do filme é que ele tira sarro dos outros filmes do Homem-Aranha. Especialmente da trilogia dos anos 2000. Homem-Aranha no Aranhaverso relembra várias das coisas que aconteceram nos filmes de 2002, 2004 e 2007, e faz piada com a dancinha de Tobey Maguire no terceiro filme, que já foi ridicularizada ao extremo na internet. É impossível não rir dessa cena, ainda mais se você entender a referência.

A única coisa negativa que pode se dizer sobre Homem-Aranha no Aranhaverso é que, talvez, o filme seja mais apreciado pelos fãs dos quadrinhos, que vão entender as referências completamente.

Personagens humanizados

Não é só Miles que é mostrado de maneira mais humana, tendo dificuldades para aprender o ofício do Aranha, mas o próprio Peter Parker mais velho também é mais humano. Ele aparece como um homem de meia idade, fora de forma, em depressão e se sentindo fracassado. Embora ele ainda seja um herói, ele não se movimenta com a mesma rapidez ou agilidade.

Peni Parker
Peni Parker

O vilão do filme, Rei do Crime, também não é um homem que é mal só por ser. O espectador é apresentado a flashbacks que tentam justificar suas ações nos dias de hoje. Inclusive, dão um motivo para o seu plano altamente perigoso de mexer com realidades alternativas. Então, é interessante ver heróis e vilões com fraquezas, defeitos e que conseguem sair do estereótipo de mocinho e bandido.

Elenco

Homem-Aranha no Aranhaverso tem um elenco respeitável de dubladores por trás das vozes de seus personagens. Entre eles estão Hailee Steinfeld, Mahershala Ali, Liev Schreiber, Lily Tomlin, Nicolas Cage, John Mulaney, Oscar Isaac e Jake Johnson, em uma ótima e divertidíssima dublagem de Peter Parker. Todos os atores combinam muito com seus personagens e se saem tão bem que é até difícil reconhecer as vozes enquanto se assiste ao filme.

Os Homens-Aranhas de realidades alternativas
Os Homens-Aranhas de realidades alternativas

Como já é de praxe nos filmes da Marvel, há uma cena pós-créditos; além da já clássica aparição de Stan Lee, dessa vez em versão animação.

Homem Aranha no Aranhaverso é um ótimo spin-off dos filmes da Marvel e funciona justamente porque consegue tirar sarro de si mesmo. O filme com certeza vai agradar os fãs e tem grande chances de divertir quem não conhece tanto do universo do herói. Segure a ansiedade, pois o filme só entra em cartaz no dia 10 de janeiro.

Homem-Aranha no Aranhaverso

Nome Original: Spider-Man: Into the Spider-Verse
Elenco: Vozes de Hailee Steinfeld, Zoë Kravitz, Chris Pine, Nicolas Cage, Stan Lee, Mahershala Ali
Direção: Bob Persichetti, Peter Ramsey e Rodney Rothman
Gênero: Animação, Ação, Aventura
Produtora: Columbia Pictures Corporation
Distribuidora: Sony Pictures

Fernanda Cavalcanti

Formada em cinema, apaixonada por literatura, divide seu tempo livre entre ler, escrever e dançar. Gosta especialmente de terror, mas lê/assiste de tudo. Também escreve para o blog Além da Toca do Coelho.

Matérias Relacionadas

Close