The Commitments – Loucos Pela Fama, 1991

Mais um musical de Alan Parker

The Commitments – Loucos Pela Fama é um filme de 1991, dirigido por Alan Parker (Fama e Evita), baseado em um livro de Roddy Doyle.

Jimmy Rabbitte (Robert Arkins) é um jovem de 21 anos, que vive em Dublin e sonha em empresariar uma banda de soul. Ele então, começa a fazer testes para encontrar músicos e acaba contratando músicos inexperientes. No entanto, a banda acaba fazendo um certo sucesso e começa a marcar shows. Mas, naturalmente que o sucesso vem junto a outros problemas…

Integrantes da banda
Integrantes da banda

Ponto de vista diferente

Existem diversos filmes que falam sobre bandas ficcionais, sejam eles musicais (como The Wonders – O Sonho Não Acabou) ou não (como Quase Famosos), mas tem alguns aspectos que tornam a banda de The Commitments – Loucos Pela Fama diferente da maioria das bandas ficcionais já criadas.

O primeiro aspecto é que a banda desse filme é de soul irlandesa, o que já a diferencia de outras bandas, que geralmente são americanas e de rock. O fato do filme se passar na Irlanda também implica que vamos conhecer um pouco da situação do país, o que nem sempre vemos em filmes.

The Commitments também tem uma formação um tanto quanto difusa da que estamos acostumados. A banda tem muito mais integrantes, o que dá ao filme uma quantidade maior de personagens. Assim, dá ao público mais histórias para acompanhar. Claro que temos protagonistas que aparecem mais e pessoas que não ganham tanto destaque na trama. Mas a ideia é que possamos assistir a um pouco da vida de cada um.

The Commitments

Outro aspecto que torna esse filme diferente é que o seu protagonista, Jimmy, deseja ser empresário. Geralmente é o líder da banda ou vocalista que resolve juntar os membros. Mas neste filme, quem faz isso é Jimmy, o que dá ao espectador uma visão um pouco diferente e que geralmente não recebe muito foco.

Trajetória de uma banda

The Commitments – Loucos Pela Fama também narra a trajetória da banda, que também é interessante. Ao longo do filme, começamos a acompanhar outros personagens além de Jimmy, e nos envolvemos com suas histórias pessoais.

A banda é composta por músicos inexperientes
A banda é composta por músicos inexperientes

Além disso, acompanhamos os sucessos da banda e naturalmente passamos a torcer por ela. Mas com a fama também surgem problemas como divisão de dinheiro, briga de egos, ciúmes e até relacionamentos e amizades que começam a se desfazer. Nesse aspecto, o filme pode dialogar com a história de qualquer outra banda.

O filme também fala sobre a relação das pessoas de uma maneira geral, afinal, nós também nos relacionamos dentro de um grupo de amigos, onde brigamos, criamos laços, amizades, nos apaixonamos e assim por diante. O filme mostra que uma banda, por maior que seja, não deixa de ser um grupo de amigos.

Aspectos técnicos

O musical é uma produção relativamente simples. Ele se escora bastante no seu roteiro, que por sua vez é inspirado em um livro. O filme tem bons personagens que são bem escritos e bem desenvolvidos. De uma certa maneira, o filme lembra Fama, outro musical do mesmo diretor, que também acompanha diversos jovens enquanto eles tentam ter sucesso em carreiras artísticas.

O filme aborda as vidas tanto profissionais quanto pessoais dos integrantes
O filme aborda as vidas tanto profissionais quanto pessoais dos integrantes

Outro ponto alto do filme é, claro, a sua trilha sonora. Não há músicas compostas exclusivamente para o filme. O supervisor musical Marq Roswell passou meses escolhendo músicas que poderiam ser usadas no filme. Depois, ele e o diretor foram filtrando até chegarem na trilha sonora.

24 dessas músicas são interpretadas pelos atores em cena, geralmente em momentos de apresentações e shows da banda. Entre as músicas presentes na trilha sonora estão Mustang Sally, Chain Of Fools, Destination Anywhere, Try a Little Tenderness, In The Midnight Hour e Bye Bye Baby.

O filme se passa na Irlanda
O filme se passa na Irlanda
O legado de The Commitments – Loucos Pela Fama

Embora o filme não tenha feito muito barulho na época do seu lançamento, o musical acabou ganhando um ar de filme cult com o tempo e hoje tem diversos fãs. Ele é considerado por muitas pessoas um dos melhores filmes irlandeses já produzidos.

Diversos atores do filme seguiram carreira na música. Entre eles, Maria Doyle Kennedy e até a banda The Corrs, que fez pequenas participações no filme. Com sua popularidade posterior, as vendas do livro de Roddy Doyle também aumentaram.

A montagem para o teatro de The Commithments- Loucos Pela Fama
A montagem para o teatro de The Commithments- Loucos Pela Fama

The Commitments só chegou ao teatro em 2013, no West End. A peça depois fez um tour pelo Reino e Unido e pela Irlanda em 2017.

The Commitments – Loucos Pela Fama conta a história de uma banda amadora em busca de sucesso, ao mesmo tempo que fala sobre a própria vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar