Tudo Acaba em Festa, a festa da firma

Tudo Acaba em Festa. Mas, neste caso, a tão temida festa da firma. Vlad (Marcos Veras) é um funcionário acomodado que é incumbido de organizar a festa de fim de ano da empresa em que trabalha, a Embelex. Tanto para impressionar sua ex-namorada, Aline (Rosanne Mulholland) quanto para melhorar o clima entre os funcionários. Pois esta seria uma tarefa fácil se não fosse a resistência dos colegas, que só aceitam participar depois de falsas promessas. Na festa, Vlad é desmascarado e tem que se virar para não perder o controle da situação, seu emprego e o amor de Aline.

Retratando o “trampo” em Tudo Acaba em Festa

Pode ser que não existam muitos filmes brasileiros sobre ambientes corporativos, mas quem assistiu The Office sabe bem o que é um ambiente de trabalho inusitado. Séries como Parks and Recreation e Brooklyn 99 também mostram diversas “festas da firma” muito diferentes e divertidas.

Marcos Veras, Maria Clara Gueiros e Victor Leal
Marcos Veras, Maria Clara Gueiros e Victor Leal

Seguindo mais um molde de filme americano, Tudo Acaba em Festa ainda assim tem aquele toque de Brasil. Vlad, o personagem principal, é apaixonado por Aline, uma moça recém contratada. Os dois são os mais normais do quadro de funcionários. O restante é todo dotado de pessoas amalucadas e estereotipadas. Chegar atrasado, tirar uma soneca durante o expediente e adiar tarefas fazem parte da rotina de Vlad. Ele sempre
diz: “Eu tenho uma teoria. Na vida, tudo acaba em festa”.

Uma pesquisa mostra que os empregados estão descontentes com a Embelex. Assim, para melhorar o clima entre os funcionários, agradar o presidente da empresa Senhor Takahari (Nelson Freitas), impressionar a ex-namorada e crescer profissionalmente, Vlad sugere fazer a melhor festa de confraternização que a empresa já teve. Mas não vai ser fácil: “A festa é para aproximar os funcionários”, diz ele. E ouve: “Eu não quero me aproximar de ninguém… principalmente daqueles babacas do financeiro”.

Estereótipos pra todo lado

Para ajudar na tarefa, Vlad contará com sua empenhada estagiária Priscila (Giovanna Lancellotti). Juntos eles recrutam cada departamento da empresa com algumas promessas de atrações e brindes. Apesar de não me fazer rir, acredito que o filme possa arrancar risos de muitas pessoas. Principalmente retratando seus funcionários com um toque de realidade e bastante humor. A equipe da área de T.I., por exemplo, é composta somente por nerds viciados em super-heróis. Já o departamento de telemarketing nos apresenta pessoas que falam constantemente no gerúndio (piada velha).

Além dos funcionários, há também os ativistas que fazem protestos na porta da empresa. Dizem que a Embelex usa um ingrediente que afeta diretamente a dieta dos pinguins. Há também os atores contratados para fazer volume na festa, que são estereotipados como malucos teatrais. E a cantora de MPB que é lésbica.

Aline, Vlad e Priscila
Aline, Vlad e Priscila

O filme ainda conta com muitas personalidades famosas, como Stepan Nercessian no papel de um funcionário de longa data que está sendo “aposentado voluntariamente”; Victor Leal como o colega de RH de Vlad que só pensa em ser promovido; Diogo Vilela como o pai de Vlad; Maria Clara Gueiros como chefe louca de RH; e até mesmo Amaury Jr. como ele mesmo, dá as caras na festa da firma!

Tudo Acaba em Festa entra em cartaz no dia 15 de novembro.

Tudo Acaba em Festa

Nome Original: Tudo Acaba em Festa
Elenco: Marcos Veras, Rosanne Mulholland, Giovanna Lancellotti, Nelson Freitas
Direção: André Pellenz
Gênero: Comédia
Produtora: Gullane
Distribuidora: Paris Filmes
Tags

Veri Luna

Veri Luna é fotógrafa, videomaker, formada em pedagogia e audiovisual, ama cinema, livros, comida e gatos.

Matérias Relacionadas

Close