Yellow Submarine, a animação dos Beatles

Yellow Submarine é o quarto filme dos Beatles. Nele conhecemos Pepperland, uma terra mágica, repleta de música e alegria. Até que um dia ela é invadida pelos Malvados Azuis, um grupo de criaturas que odeia a felicidade. Eles tiram toda a cor da cidade e proíbem a música em Pepperland.

Old Fred, um velho marinheiro, parte em busca de ajuda dentro de um submarino amarelo. Ele chega em Liverpool e encontra Ringo Starr (dublado por Paul Angelis), que junto com os outros Beatles, resolve ajudar Pepperland. Os Beatles partem em uma aventura, através de diversos mares para salvar Pepperland dos Malvados Azuis.

Os Beatles resolvem ajudar Pepperland em Yellow Submarine
Os Beatles resolvem ajudar Pepperland

A origem de Yellow Submarine

Os Beatles não estavam interessados em fazer nenhum filme depois de Os Reis do Iê, Iê, Iê, Help! e Magical Mistery Tour, justamente porque Help! não tinha agradado a banda e Magical Mistery Tour foi um fracasso de público. No entanto, a ideia de fazer uma animação parecia um pouco mais atraente. Primeiro porque em uma animação os Beatles não precisariam participar das filmagens. E no caso de Yellow Submarine, nem da dublagem, já que outras pessoas fazem as vozes dos Beatles. E o filme ainda seria uma ótima maneira de divulgar o álbum!

Os Beatles e um malvado azul
Os Beatles e um malvado azul

A ideia original de Yellow Submarine surgiu da música título do novo álbum. Sua história foi escrita por Lee Minoff.

Um conto de fadas

Yellow Submarine tem um ar de contos de fadas que combina muito com a animação. E com a música que foi a inspiração para o filme, claro. O que passa essa impressão é justamente o fato do filme começar em uma terra idílica onde tudo é perfeito. Pepperland certamente poderia fazer parte de uma história de princesa e é assim que o filme começa.

Yellow Submarine é extremamente colorido
O filme é extremamente colorido

Quando os Beatles entram na história e resolvem ajudar Pepperland, começamos a viajar pelos mais variados mares, como o mar dos buracos, o mar dos monstros e o mar do nada, que também parecem saídos de um conto de fadas.

Tudo em Yellow Submarine é bem lúdico e simples. Por exemplo, embora os Malvados Azuis sejam criaturas terríveis capazes de dominar Pepperland e todos os seus habitantes, os Beatles parecem não ter muita dificuldade para enfrentá-los com música e amor. É possível até questionar a veracidade da trama, que é praticamente inexistente. Mas esse nem parece ser o foco de Yellow Submarine, que é um filme fantasioso e absurdo de propósito.

Yellow Submarine tem como intenção apresentar as músicas dos Beatles
Yellow Submarine tem como intenção apresentar as músicas dos Beatles

A cultura hippie

Yellow Submarine também é um filme feito para a sua época e na época certa. O filme estreou bem no começo dos movimentos hippies. Naturalmente, trazia muitas mensagens que batiam diretamente com a ideologia do movimento. Essa cidade idílica, representada por Pepperland, parece saída de um sonho adolescente hippie. Assim como a maneira de combate que não envolve nenhuma violência ou confronto direto, mas sim amor e música.

Um dos personagens que ajuda os Malvados Azuis é uma luva azul enorme que aponta para as pessoas e as destrói. Entretanto, depois que os Beatles cantam All You Need is Love para ela, a luva recebe perpetuamente a palavra “LOVE” embaixo dela.

Os Malvados Azuis
Os Malvados Azuis

Esse é outro motivo que faz com que Yellow Submarine faça algum sentido dentro da sua época e do seu contexto, mesmo que hoje em dia ele soe extremamente nonsense.

As músicas

As músicas que fazem parte da trilha sonora são as músicas que estão no disco de mesmo nome. Entre elas estão Eleanor Rigby, All Together Now, When I’m Sixty-Four, Nowhere Man, Lucy in the Sky with Diamonds, All You Need Is Love e claro, Yellow Submarine. Além disso, existe uma diferença entre a versão europeia do filme, que tem mais uma cena musical, com a música Hey Bulldog, e a versão americana que só ganhou essa cena depois da restauração do filme em 1999.

Como o longa é uma animação é possível dizer que as cenas musicais podem apresentar basicamente tudo, já que não existe restrição no que um desenho pode fazer e o que vemos é justamente isso. Há cenas de Ringo montado em um monstro, os Beatles espantando os vilões com música e muita cor, e criaturas bem bizarras que estão inseridas nos diversos mundos pelos quais os Beatles passam.

Pepperland
Pepperland

No entanto, boa parte das cenas musicais foi pensada exclusivamente para apresentar todas as músicas do disco e muitas vezes soam como um adendo desnecessário. Embora seja uma animação, Yellow Submarine pode ser enquadrado como um musical clássico, já que os personagens cantam fora dos palcos.

Aspectos técnicos

Como boa parte dos filmes dos Beatles, Yellow Submarine não é um filme com um grande roteiro. A ideia por trás de sua criação é, mais uma vez, explorar a popularidade dos Beatles e promover o álbum de mesmo nome. O que aconteceu com Yellow Submarine é que além de tudo, os Beatles não estavam muito animados para fazer o filme e nem pareciam ligar muito para ele. O filme todo é uma animação, onde os Beatles nem sequer dublaram os seus próprios personagens. Os quatro integrantes aparecem apenas nos minutos finais, mostrando as lembranças que eles trouxeram dessa aventura.

Não que a ideia de fazer uma animação seja ruim. Afinal, a animação de fato permite que se façam coisas que humanos não poderiam fazer. Seria impossível gravar os quatro Beatles em carne e osso navegando por diversos mares. E mesmo que isso tivesse sido feito, hoje em dia seria um filme com efeitos ruins e que envelheceu mal. Mas, infelizmente, Yellow Submarine também soa como um filme datado.

O mar dos buracos
O mar dos buracos

Quando você assiste ao filme nos dias de hoje, sem pensar no background e na cultura em que ele estava inserido na época de seu lançamento, ele soa só como uma viagem de ácido bem maluca. O filme é divertido, tem as suas piadas e é bem feito, mas com certeza não agrada todo mundo. Como tem uma história simples e muitas cores, ele costuma agradar as crianças. O filho mais novo de John Lennon, Sean, descobriu que seu pai tinha sido um Beatle enquanto assistia Yellow Submarine. E Ringo Starr relatou depois que durante anos ouviu crianças perguntando porque ele apertou o botão que o expulsou do submarino em uma determinada cena.

O legado de Yellow Submarine

Apesar dos pesares, o filme em seus méritos. Ele ainda é considerado um grande marco da animação. Inclusive, o co-fundador da Pixar, John Lasseter, diz que Yellow Submarine elevou seu interesse em animação como uma maneira séria de se fazer cinema.

Bonecos de Yellow Submarine
Bonecos de Yellow Submarine

O filme também influenciou alguns dos trabalhos do grupo Monty Python (que sempre citou os Beatles como uma grande referência) e recebeu homenagens em Os Simpsons, Futurama e no filme A Vida é Dura – A História de Dewey Cox.

Além disso, Yellow Submarine até hoje é alvo de uma enorme quantidade de bonecos, roupas, sapatos e outros tipos de produtos e memorabília. O filme é divertido e agrada aos fãs e grande parte das crianças. Embora possa parecer um pouco deslocado nos dias de hoje, ele reflete sua época e entretêm.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar