Crítica: Walking Dead 6° Temporada

wd

Polêmica! Parece até que todo produto da cultura Nerd ultimamente tem que criar polêmica!! Game of Thrones e seu Jon Snow, Batman vs Superman e…. todo o filme!

Todo nerd do mundo resolveu brigar pelos mais diversos motivos! Será que todos ficaram loucos? Ou será que os criadores e produtores do conteúdo Nerd é que descobriram um filão gigantesco?

Não posso dizer que sei a resposta, mas posso afirmar que a próxima temporada de GoT será uma das mais assistidas! Assim como avaliar que o filme da Liga da Justiça terá muito, muito público. Isso porque, para amar ou odiar uma coisa, você precisa consumi-la primeiro! E é nisto que os tais produtores e principalmente os executivos estão pensando!

Mas o que tudo isso tem a ver com The Walking Dead? Se você não sabe, é porque simplesmente não viu a última temporada da série e também não acessa a internet (e como está lendo isso aqui!?!?!?!). Toda a 6° temporada, de 16 episódios exibidos em 2 blocos de 8 episódios, com um hiato de 3 meses entre eles, foi pautada pela tão cobiçada polêmica!

twd-norman-andrew-tvgm-812x522A primeira metade já tinha a sua dose de discórdia, com a possibilidade da morte ou não de um personagem importante da série, soterrado por dezenas de zumbis famintos! Nada comparado ao que acontece na última cena do último episódio! Mas calma… a gente já chega lá!

A base da trama na primeira metade desta temporada foi o firmamento e liderança do grupo de Atlanta, capitaneado por Rick, na comunidade Alexandria e o início do embate dela com a comunidade dos Salvadores na metade final.

Mais uma vez, The Walking Dead demonstrou uma clara falta de ritmo, com episódios às vezes altamente explosivos e alucinantes e outros modorrentos e soníferos. E nem adianta vir com aquele velho argumento de desenvolvimento de personagens, porque em muitos destes episódios, não foi isso que aconteceu ou foi feito de maneira rasteira e com personagens pouco expressivos para o enredo.

Outro ponto baixo foi a repetição de tramas e o abuso de clichês. Um exemplo da combinação destas duas características está no 14º episódio com a morte de uma personagem que desde o começo já era mais do que evidente. Dava até pra saber em que momento isso ia acontecer!

TWD_603_GP_0602_0404.max-620x600Mas nem só de erros foi construída a temporada. Como já foi dito, existiram episódios emocionantes e de morder o sofá com o traseiro!! O “pastoreamento” de zumbis dos primeiros episódios foi de um lirismo impressionante. O ataque à base dos Salvadores foi a mais violenta e uma das mais chocantes de toda a série! E o episódio final…..

Ah… O episódio final é gênese de tudo. É o catalizador dos problemas e glórias dos 16 episódios. Em alguns momentos ele derrapa, tropeça como um zumbi e não evolui. Entretanto, lá perto do fim, você está roendo as unhas e os dedos, imaginando qual dos seus personagens queridos pode desaparecer para sempre!

Enfim, os últimos quinze minutos amedrontam, atordoam e insinuam que a próxima temporada da série, que estreará em Outubro deste mesmo ano, pode ser a mais insana e diferente de toda a série. O tão polêmico final e o novo vilão apresentado já são uma pitada do que está por vir e esperamos que os produtores não percam a chance de nos surpreender e não se acovardem com os mimimis que já pululam na internet.

E você gostou dessa temporada? Achou corajoso ou medroso o final? Comente e Opine!

Avaliação:
País: EUA

Classificação: 16 anos

Lançamento: 31/10/2010

Criada por: Frank Darabont

Produtores: Frank Darabont, Gale Anne Hurd, David Alpert, Robert Kirkman, Charles H. Eglee, Greg Nicotero, Glen Mazzara, Scott M. Gimple, Tom Luse

Elenco: Andrew Lincoln, Chandler Riggs, Steven Yeun, Danai Gurira, Lawrence Gilliard Jr., Norman Reedus, Lauren Cohan

Rogério Montanare
Apenas um grande fã de Cinema, Séries e Vídeo Games!!!