Carcereiros: O Filme, muita ação com fundo de verdade

Carcereiros: O Filme foi inspirado no livro homônimo de Drauzio Varella que também gerou uma série de sucesso na Rede Globo (vencedora do prêmio do grande júri do MIPTV em Cannes em 2017). Protagonizado por Rodrigo Lombardi, que interpreta Adriano, um destemido carcereiro de um grande presídio aficionado por seu trabalho e por regras cumpridas, que se verá em uma grande sinuca de bico tendo que colocar por uma noite no cárcere um terrorista que a Polícia Federal brasileira fará a transição e o transporte.

Isso irá trazer agito, insegurança, medo e revolta aos presidiários que sabem o que o tal bandido fez. Ele matou crianças em um colégio colocando bombas e essa é uma das regras que os presidiários não permitem que seja descumprida. Todos nós sabemos que quando se trata de crianças, a regra entre eles é clara. Entre todos os criminosos e crimes que podem ser cometidos, esse, não é um deles.

Adriano, íntegro, avesso à violência, tenta a todo custo manter a ordem e garantir a tranquilidade no presídio. Enquanto isso, sua família e sua vida estão entre reviravoltas e dificuldades caóticas com sua filha.

Rodrigo Lombardi e Kaysar Dadour em cena de Carcereiros
Rodrigo Lombardi e Kaysar Dadour em cena

Carcereiros

Para quem não acompanhou a série, será um deleite assistir ao filme, pois se trata de um episódio à parte que funciona como um recorte isolado da trama sequencial que a Rede Globo exibiu a partir de 2017. Para quem curte tramas envolvendo conflitos policiais também, pois esta se assemelha bastante aos já conhecidos Tropa de Elite e Carandiru que tanto foram ovacionados pela crítica.

A chegada de Abdel (Kaysar Dadour), este perigoso terrorista internacional, irá atormentar e aumentar a tensão do presídio. Esta já era uma tarefa diária difícil, afinal, Adriano tem que manter a calma entre as facções opostas que estão presas. Mas uma coisa eles tem em comum. Príncipe (chefe de uma das facções interpretado por Rainer Cadete) e Juarez (líder da outra facção criminosa interpretado por Rômulo Braga) querem o sumiço do tal terrorista e querem o comando da prisão. Essa é uma combinação perigosa e uma oportunidade de ouro para ambos.

Adriano terá então que enfrentar a rebelião, controlar Abdel e vigiá-lo de perto, enfrentar problemas familiares com sua filha que não entende sua dedicação ao trabalho, e reagir tranquilamente mantendo a calma em situações inesperadas que ainda estão por vir, pois o presidio será invadido piorando ainda mais a situação.

Verdadeiro e atemporal

Com temas ainda atuais como delação premiada, terrorismo internacional, falcatruas, celulares nos presídios, facções criminosas, entre outros de abrangência nacional e internacional, o longa metragem que começou a ser produzido junto à série em 2016 ainda é algo que pode ser considerado atemporal e totalmente político mesmo sem ser diretamente relacionado à política de nosso país.

No elenco ainda temos Jackson Antunes, Rafael Portugal, Dan Stulbach, Tony Tornado, Milton Gonçalves e Ivan de Almeida. A estreia nacional ocorre hoje, dia 28 de novembro, e vale a pena conferir esse longa-metragem que vai além do tiro, porrada e bomba. O longa traz assuntos verdadeiros da vida no cárcere que foram levantados por Drauzio Varella enquanto trabalhava nos presídios e lapidados pelos roteiristas que também investigaram estes assuntos junto aos produtores e direção da série para a construção dos personagens da história que, apesar de ficcional, traz temas de excelente discussão sobre a realidade brasileira.

Carcereiros: O Filme

Nome Original: Carcereiros: O Filme
Direção: José Eduardo Belmonte
Elenco: Rodrigo Lombardi, Kaysar Dadour, Rafael Portugal, Tony Tornado
Gênero: Ação, Drama
Produtora: Globo Filmes
Distribuidora: Imagem Filmes
Ano de Lançamento: 2019
Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar