A Dona do Barato

Isabelle Huppert ataca novamente!

Isabelle Huppert, a rainha do cinema francês, está de volta nesta comédia dramática super divertida, com boas atuações e imprevistos hilários. A história é focada em Patience Portefeux (Huppert), que é uma tradutora de árabe-francês na parte de narcóticos da polícia francesa. Ela leva uma vida um pouco tediosa fora do trabalho, e mantém um relacionamento com o chefe – Philippe (Hippolyte Girardot) – em sua divisão da polícia.

Cheia de dívidas e morando em um prédio onde a maioria é de chineses, Patience sempre é cobrada pela sindica do prédio referente aos condomínios atrasados. A mãe dela está com Alzheimer e é cuidada por uma clínica de alto padrão, onde também há cobranças de mensalidades atrasadas.

Aqui se desenvolve o eixo da história: Patience precisa arranjar uma forma de resolver sua vida financeira, mas como?

A Dona do Barato

Vida dupla para pagar as contas

A polícia está acompanhando a entrada de um caminhão de haxixe vindo do Marrocos, e Patience traduz as escutas do árabe e transcreve para eles. No meio de uma conversa, a nossa protagonista descobre que a cuidadora de sua mãe no hospital tem um filho envolvido no translado da droga para o país.

Patience vê nesse imbróglio uma chance de poder pagar as suas contas atrasadas: se envolver no negócio de vendas de drogas de forma indireta, e ajudar a pessoa que cuida de sua mãe com tanto carinho. Neste momento entra em cena Mamma Weed e seu cachorro chamado DNA (aposentado da polícia, foi adotado).

Toda a história a partir daqui se entrelaça entre Patience usando informações internas da polícia para burlar suas vendas de haxixe para pequenos traficantes. Descobrimos neste meio tempo que a família de Patience tem descendência Marroquina, e que ela ainda tem fortes considerações pela cultura árabe de seus antepassados.

A Dona do Barato

A dona do barato

E é neste contexto que o filme faz sua crítica: a forma que os franceses tratam os estrangeiros/refugiados de
países árabes, e de quais trabalhos/serviços sobram pra essas pessoas, e a precariedade que esse povo vive em países da Europa em geral, faz com que Mamma Weed passe a perna na polícia e se esconda nesse pano de fundo moral.

Os franceses são bem conhecidos por suas comédias e A Dona do Barato é um filme super divertido e engraçado que só o cinema francês sabe fazer. O filme está em cartaz desde o dia 23/09.

A Dona Do Barato - Trailer Original - Legendado

A Dona do Barato

Nome Original: La daronne
Direção: Jean-Paul Salomé
Elenco: Isabelle Huppert, Hippolyte Girardot, Liliane Rovère
Gênero: Comédia, Crime, Drama
Produtora: Le Pacte
Distribuidora: Imovision
Ano de Lançamento: 2020
Tags

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar