Pokémon: Detetive Pikachu – Para iniciados

Se você quer saber se vai gostar do primeiro filme em live-action dessa franquia chamado Pokémon: Detetive Pikachu, faça a si mesmo as seguintes perguntas… “Eu entendo alguma coisa sobre o universo Pokémon?” e “Tenho interesse nele?”. Se a resposta for sim para as duas, você provavelmente tem uma chance de se divertir assistindo ao filme. Se não… serão duas horas difíceis de se atravessar.

Recheado de easter-eggs relacionados aos jogos e ao desenho animado, o filme já abre com uma extensa referência ao primeiro longa-metragem da franquia. O prólogo traz Mewtwo destruindo um laboratório no qual até então se encontrava cativo dentro de um tanque aquático. O lendário Pokémon persegue e ataca o veículo em que se encontrava o policial Harry Goodman, aparentemente causando sua morte.

Ryan Reynolds faz a voz do Pikachu em Pokémon: Detetive Pikachu
Ryan Reynolds faz a voz do Pikachu

Somos então apresentados ao filho de Goodman, o jovem e recluso Tim (Justice Smith). Diante da morte do pai, ele viaja a Ryme City, onde Goodman esteve morando pelos últimos anos, para se despedir. Alienado de seu pai distante, Tim só procura um desfecho para a história conturbada entre os dois. Mas a aparição de um Pikachu falante que insiste saber que seu pai está vivo, ainda que sem provas, faz com que Tim embarque em uma relutante jornada para descobrir o que teria realmente acontecido no momento do acidente.

Pokémon: Detetive Pikachu

Abandonando completamente a premissa dos jogos – que se torna desconfortável no momento em que se decide abordá-la por um viés minimamente realista – o filme quase não mostra personagens mantendo criaturas cativas para soltá-las apenas para realizar rinha-de-galo, substituindo a conexão entre humanos e Pokémons por algo mais, digamos, igualitário. Assim, mostra pessoas sendo acompanhadas de seus “parceiros Pokémon” em liberdade, numa relação que ecoa vagamente a ligação entre seres humanos e daemons no filme A Bússola de Ouro.

Justice Smith, Pikachu e Kathryn Newton em cena de Pokémon: Detetive Pikachu
Justice Smith, Pikachu e Kathryn Newton em cena

O enredo traz todo um gosto de “já-vi-isso-antes”. Seus clichês vão desde o protagonista que rejeita ter um parceiro até conspirações envolvendo drogas misteriosas. A estética noir tão presente no material de divulgação é incorporada em algumas cenas pontuais, mas o filme não se compromete, abandonando-a na segunda metade da projeção em favor de um estilo padrão de aventura infanto-juvenil.

Previsível, inclusive no que diz respeito ao twist final, o longa se destina a fãs e adultos nostálgicos, mas tem lá seus momentos de criatividade. Pokémon: Detetive Pikachu estreia hoje nos cinemas.

Pokémon: Detetive Pikachu

Nome Original: Pokémon Detective Pikachu
Direção: Rob Letterman
Elenco: Ryan Reynolds, Justice Smith, Kathryn Newton, Bill Nighy
Gênero: Animação, Ação, Aventura
Produtora: Nintendo, The Pokemon Company, Warner Bros.
Distribuidora: Warner Bros.
Ano de Lançamento: 2019
Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar